sábado, 26 de outubro de 2013

Tem dias que a gente olha pra si...

Olá amores! Como estão?

Vocês já repararam como a música pode nos trazer momentos ímpares de autorreflexão? Palavras que muitas vezes não conseguimos expressar sozinhos são ditas naquele exato momento em que ouvimos alguma canção que nos faz pensar: "é exatamente isso o que estou sentindo", ou, "como eu não havia pensado nisso antes?"

Hoje nós vamos refletir um pouquinho sobre a letra de uma música, que desde que ela foi gravada gosto de usá-la para pensar sobre a minha vida e me encontrar em meio a planos e objetivos imaginados e atingidos. Às vezes eu também uso alguns recursos terapêuticos nas sessões de psicoterapia para poder trabalhar alguma questão eminente na vida do paciente. Sendo a música um tipo desse recurso do qual falo.

Espero que essa letra também lhe traga reflexão e as respostas necessárias para promover a mudança e o aprimoramento em seu interior.


segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Rapidinha no Divã


domingo, 20 de outubro de 2013

Dormir para lembrar



Atravessar noites em claro, mesmo que seja estudando, não é a melhor forma para fixar informações. Quando somos privados de sono a capacidade de concentração, resolução de problemas lógicos e a memória operacional são prejudicadas. Mesmo as questionáveis pontuações de quociente intelectual (QI) diminuem significativamente quando a pessoa passa muito tempo acordada. “Um adulto em estado de vigília contínua por 21 horas tem aptidões equivalentes às de alguém alcoolizado a ponto de ser legalmente impedido de dirigir”, afirma o professor Sean Drummond, da Universidade da Califórnia em San Diego. Segundo ele, passar duas ou três noites seguidas dormindo tarde e acordando cedo pode provocar o mesmo efeito.

Um estudo recente realizado por especialistas da Universidade de Lubeck, na Alemanha, com 191 adultos, mostrou que dormir bem durante a noite é fundamental para nos lembrarmos melhor do que aprendemos. Os cientistas alemães realizaram especificamente dois experimentos. Num experimento foi pedido que cada participante memorizasse 40 pares de palavras; em outro, as pessoas deveriam participar de um jogo da memória. Em cada uma das atividades, metade dos voluntários era informada que faria testes para avaliação do aprendizado do dia dentro de dez horas, enquanto a outra metade fazia o teste de surpresa. Somente alguns voluntários puderam dormir durante o período entre as tarefas e a avaliação. Os autores do estudo descobriram que aqueles que descansaram obtinham melhores resultados nos testes de memória do que os que ficavam acordados, ainda que estudando.

quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Comunicado!




Olá pessoal!!! Como estão?

Eu não me esqueci de vocês. Tem post novo chegando.
Fiquem ligados!

Beijos!!!

quinta-feira, 10 de outubro de 2013

Top Five do Divã

Faz dois meses hoje que nosso Divã nasceu! É um recém-nascido promissor, não acham? rs
Estou muito feliz com as manifestações de carinho, com as opiniões, com as pessoas que me abordam na rua pra dizerem que "deitaram no meu Divã", rsrs... São e-mails, torpedos, enfim, isso tudo me incentiva a publicar cada vez mais. Entre opiniões e brincadeiras que me fazem, rsrs, eu amo e me divirto com todas elas.

E pra comemorar, resolvi compartilhar com vocês os cinco posts mais visualizados aqui do Divã até o dia de hoje. É o nosso Top Five.


Vamos saber quais são?

Em primeiríssimo lugar, meu post do coração: A origem dos conflitos emocionais.






Se você ainda não leu, é só clicar no título.

Obrigadaaa pelos acessos!!

Abração,

Mileni.

terça-feira, 8 de outubro de 2013

Como se apresentar durante uma entrevista




Já comentei aqui no Divã (leia aqui) que  trabalho com Avaliação Psicológica para motoristas e também para outros fins, dependendo do objetivo do procedimento: se é para seleção de pessoal em empresas, se é para laudo médico, ou outras solicitações. Sendo que, uma das etapas da Avaliação Psicológica é a entrevista, sendo este o assunto alvo de nosso Divã hoje.

As dicas que aqui darei servirão para entrevistas de emprego com o Setor de RH, ou chefe de departamento, também servirão para entrevistas de concursos e avaliações psicológicas. Procurarei dar dicas abrangentes que sirvam para tipos de entrevistas variadas.

É possível notar que as pessoas ficam muito ansiosas quando vão se apresentar em alguma entrevista. Geralmente elas não sabem o que fazer com as mãos, nem para onde devem olhar, por exemplo. Apesar da situação, é preciso buscar recursos internos para se acalmar, afinal, todos os que a ela se submetem anseiam por um bom desempenho.

Então, vamos ao que interessa:

segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Rapidinha no Divã

Olá amores!!!

Passando aqui para dizer-lhes que eu estava preparando um texto para postar aqui no Divã nesse final de semana. Mas depois de uma hora digitando e pensando, a internet resolveu não funcionar e o post foi perdido e não salvo. Acreditam????

Minha cara quando isso aconteceu foi a de total apatia. rsrs. :-/   Eu nem tive reação, a não ser a de sair rápido da frente do computador para abstrair e pensar outras coisas. rsrs...

Bem, quando eu estiver com paciência para pensar novamente naquele texto em que eu redigia, eu o publico aqui pra vocês. Preciso de um tempo longe dele por enquanto. rsrs... Essa situação me deixou com uma leve e momentânea irritação encubada a respeito do tema que escrevia. kkkk... Vai passar. rsrs...

Mas então, já estou preparando outro texto e logo ele será publicado, ok?? 

Beijos.


quarta-feira, 2 de outubro de 2013

Você precisa romper!

 Escrito por Mileni Barros
Psicóloga & Coach
 
Sabe por que algumas pessoas não conseguem progredir e evoluir  na vida pessoal? Não é por que elas não têm recursos financeiros, embora não tê-los pode ser um obstáculo, mas não o fracasso total; também não é por que elas tiveram pouco estudo e tampouco porque não tiveram quem as apoiassem. Pessoas não evoluem porque não ROMPEM com seus maus pensamentos, não rompem com seus paradigmas obsoletos, não rompem com sua maneira limitada de enxergar a si mesmo e o mundo ao seu redor. Não rompem por que não conseguem enxergar além das possibilidades, aceitando o conformismo. A sociedade não é estática, os relacionamentos também não, tampouco deve continuar imutável a nossa maneira de pensar Precisamos de metanóia, ou seja, de RENOVAR O PRÓPRIO PENSAMENTO e aquela velha opinião formada sobre nós mesmos. Metanóia é mudança de mente. E é isso que nos faz crescer e evoluir durante o caminho que percorremos em nossas vidas.


A temática desta presente reflexão abrange muito mais do que o progresso profissional, empresarial, ou financeiro. Estamos tratando aqui do PROGRESSO INTERIOR. Afinal, não se progride no trabalho, nem na sociedade, se antes não evoluirmos a nossa maneira de pensar.